A região da Flórida, nos EUA, é uma das mais afetadas por tempestades tropicais e furacões. Geralmente as formações acontecem na região do Caribe, iniciando como uma tempestade tropical, e podem ganhar força até se tornarem furacões com ventos devastadores, que chegam até a categoria 5 (ventos com mais de 200 km/h). A boa notícia é que as novas construções na Flórida seguem uma nova tecnologia à prova de furacão e também existem regiões na parte central do Estado mais protegidas, que raramente são atingidas pelas tempestades mais fortes. Por isso é importante saber onde investir na Flórida e também dar preferência para imóveis que adotam as mais novas técnicas de construção. Neste artigo explicamos como funcionam as novas construções à prova de furacão. Continue lendo para entender!

Como funcionam os prédios anti-furacão da Flórida?

…Mas antes!

Saiba que os furacões são fenômenos previsíveis e monitoráveis, diferente de outras tragédias naturais que acontecem de repente, como terremotos, por exemplo. Isso permite que as autoridades detectem o fenômeno com boa antecedência e preparem a população.

Se você quiser saber tudo sobre furacões na Flórida acesse o artigo: Furacão na Flórida: Tudo que você precisa saber.

Como normalmente são construídos os imóveis nos EUA

Geralmente no Brasil as construções são feitas em alvenaria e com o emprego de concreto, um material super resistente. Nos EUA não é assim! A maioria das casas nos Estados Unidos são construídas a base de madeira, o que traz um custo mais atrativo para os developers, além de permitir concluir a obra mais rapidamente. A madeira ainda oferece um melhor isolamento térmico e acústico, outra grande vantagem principalmente em regiões dos EUA onde o inverno é mais rigoroso.

A grande desvantagem é que este tipo de construção é mais frágil. Na hipótese de uma tempestade muito forte, como um furacão, a tendência é que essas construções sofram danos consideráveis.

Casas construídas com paredes em wood frame (madeira)

Invista em imóveis preparados para grandes tempestades na Flórida

Em 1992 o sul da Flórida foi devastado pelo furacão Andrew, trazendo danos de dezenas de bilhões de dólares em reivindicações de seguro, além de mais de 20 mortes registradas na Flórida, Louisiana e Bahamas. Sua passagem despertou nas autoridades americanas a urgência de uma revisão nas regras de construção dos Estados Unidos. Um novo código de leis foi criado para o setor de construção.

As novas regras de construção tem como principal objetivo minimizar os danos causados pela passagem de um furacão. As regras mudam dependendo da região. Regiões mais expostas às tempestades (próximas à costa) devem seguir procedimentos mais rígidos. A ideia é manter a construção de pé, evitar que telhados sejam arrancados e também evitar que estilhaços de vidros das janelas e pedaços de portas sejam levados com os ventos. Fragmentos de vidros e estilhaços de materiais das casas tornam-se projeteis mortais quando lançados a mais de 200 km/hora.

O novo código reduziu drasticamente os níveis de destruição causados por novos furacões na Flórida. Hoje os danos resumem-se a inundações e prejuízos à construções antigas (antes das novas regras). Além disso, o código vem sendo revisado de tempos em tempos, e aprimorado.

Algumas construtoras na Flórida, especialmente as voltadas para o segmento de luxo, vão muito além das novas regras. É o caso do condomínio de luxo Porsche Design Tower, em Sunny Isles Beach, que pode suportar furacões de categoria 5 (ventos acima de 200 km/h). A torre do Porsche em Miami ainda oferece um elevador de carros, que permite ao proprietário estacionar seu veículo dentro do apartamento. Com isso, o carro também fica protegido!

Assista neste vídeo uma entrevista da CNBC realizada com o construtor Gil Dezer, referente à construção do Porsche Tower e a tecnologia anti-furacão empregada.

Até mesmo os parques e resorts da Disney levaram em consideração esta tecnologia. O Castelo da Cinderela, por exemplo, foi construído para suportar as mais fortes tempestades e furacões. Há quem diga que os resorts da Disney são alguns dos lugares mais seguros para se proteger na eventualidade de um furacão, justamente por serem construídos “à prova de furacão”.

ATENÇÃO: Não prossiga com seus planos de viagem para destinos que sabidamente receberam alerta de passagem de furacão. Para orientações sobre como lidar em situações de furacão, entre em contato com os órgãos oficiais do destino. Para ajudar segue um link da Disney com perguntas frequentes em situações de furacão: https://disneyworld.disney.go.com/pt-br/faq/hurricane-policy/

Cobertura na torre Porsche Design Tower em Miami, prédio construído com tecnologia anti-furacão
Cobertura na torre Porsche Design Tower em Miami, prédio construído com tecnologia anti-furacão

Como funciona a tecnologia anti-furacão

Vejamos as principais mudanças nas construções, após o novo código na Flórida:

Paredes e estruturas de concreto

O concreto é um dos materiais mais resistentes aos ventos fortes de uma tempestade tropical. As novas regras estimulam que as construções substituam o tradicional Wood Frame (madeira) nas paredes externas pelo concreto. Alguns prédios em Miami, com tecnologia anti-furacão, possuem um exoesqueleto de concreto em sua estrutura.

Paredes com isolamento

Como comentado, a madeira (wood frame) traz uma grande vantagem que é o isolamento acústico e térmico. O concreto já não tem o mesmo desempenho neste sentido. Um material que pode substituir a madeira é o EPS (poliestireno expandido). O EPS também oferece ótimo desempenho térmico e acústico e ainda pode ser preenchido por concreto. Além disso, o isolamento da parede sobre o concreto oferece uma camada a mais de proteção, absorvendo a maior parte do impacto de fragmentos projetados pelos ventos.

Elevação da Casa

Um dos maiores problemas em decorrência de grandes tempestades e furacões são as inundações, devido à grande quantidade trazida pelas fortes chuvas. Por este motivo as novas casas são construídas com uma certa elevação, diminuindo as chances de alagamentos internos das residências. Os novos prédios também são feitos com fundações reforçadas e sistemas inteligentes de drenagem.

Telhados Resistentes

O novo código também especifica como os telhados das casas devem ser construídos de forma a suportar os fortes ventos e não serem arrancados.

Janelas de alto impacto

As janelas são as primeiras a serem estilhaçadas lançando cacos de vidro pelo ar, fragmentos extremamente cortantes e letais, especialmente se voarem a velocidades de mais de 200 km/h. Além disso, ao serem destruídas, expõem o interior das residências permitindo a entrada de ventos fortes e água, que percorrerão o ambiente fechado criando uma pressão interior que pode quebrar outras janelas, levantar o telhado ou mesmo derrubar as paredes, dependendo da fragilidade dos materiais empregados na construção. Por este motivo, proteger as janelas é uma das medidas mais importantes em períodos de furacão.

Foto: https://www.viwinco.com/

As novas janelas de auto impacto geralmente são construídas com duplo vidro temperado, e um insufilm ao meio, fazendo a separação. Elas são capazes de resistir ao primeiro impacto de um vento muito forte. Eventualmente, o vidro temperado pode estilhaçar, mas ficará grudado à lâmina de insufilm, mantendo a vedação e protegendo o interior da casa. Casas com janelas de alto impacto geralmente ganham um bônus no momento de contratar o seguro residência.

Portas Externas

As portas devem ter abertura para o lado de fora, e serem presas com no mínimo três dobradiças reforçadas.

Conheça o “Florida Building Code”

Neste link você poderá fazer o download do novo código para o estado da Flórida.

Quer saber como investir de forma segura na Flórida?

A CAP International é uma imobiliária global especializada na Flórida. Caso queira saber mais sobre investimentos seguros e à prova de furacões na Flórida, entre em contato agora mesmo e bata um papo comigo por WhatsApp: +55 11 98111-2555 (Carlos Barros).